11/02/11

No dia seguinte à morte de Jobs, lojas da Apple apagaram às luzes em homenagem ao executivo
Foto: Tyrone Siu/Reuters

As lojas da fabricante de eletrônicos Apple vão fechar nesta quarta-feira por três horas, para que os funcionários possam assistir, via videoconferência, a uma cerimônia em homenagem ao lendário cofundador do empresa, Steve Jobs, que morreu de câncer no último dia 5.

"Poderemos acompanhar a cerimônia", disse uma funcionária da Apple Store localizada na 5ª Avenida, em Nova York, que fechará por três horas a partir do meio-dia, assim como as outras lojas da marca nos Estados Unidos.

A Apple vai realizar uma cerimônia para seus funcionários na sede da empresa, em Cupertino, perto de San Francisco. No domingo, houve uma homenagem privada numa igreja do campus da Universidade de Stanford, Califórnia, na presença de personalidades do mundo da informática, entre elas o cofundador da Google Larry Page.

Steve Jobs morre aos 56 anos

O cofundador e ex-presidente do conselho de administração da Apple morreu em 5 de outubro aos 56 anos, vítima de um câncer no pâncreas que vinha tratando desde 2003. Perfeccionista, criativo, inovador e ousado, ele ajudou a tornar os computadores mais amigáveis e revolucionou a animação, a música digital e o telefone celular. Jobs marcou o mundo da tecnologia ao apresentar produtos como o Macintosh, o iPod, o iPhone e o iPad. Afastado da empresa desde 17 de janeiro para cuidar da saúde e sem prazo para voltar, o executivo renunciou ao cargo em 24 de agosto. "Sempre disse que, se chegasse o dia que eu não pudesse mais cumprir minhas funções e expectativas como CEO da Apple, seria o primeiro a informar. Infelizmente, esse dia chegou", dizia a nota à época.

A saúde de Jobs virou notícia em 2004, quando ele anunciou que passara por uma cirurgia para remover um tipo raro de câncer pancreático, diagnosticado em 2003, e que a operação fora bem-sucedida. Depois, em 2009, Jobs fez um transplante de fígado e ficou afastado da companhia que fundou ao lado do engenheiro Steve Wozniak por vários meses. Mesmo com as licenças, Jobs continuou ativo na tomada de decisões da empresa, chegando se reunir a portas fechadas com o presidente americano, Barack Obama, em fevereiro, e lançar o iPad 2, em março, surpreendendo ao subir ao palco para apresentar o produto.

Detalhes do estado de saúde de Jobs sempre foram um mistério. Uma fotografia que mostrava o executivo muito magro e com aparência debilitada (sobre a qual recaíram suspeitas de manipulação) foi publicada pelo site americano de celebridades TMZ dois dias após ele ter deixado o cargo de presidente-executivo da Apple. Em fevereiro, Jobs foi fotografado pelo jornal americano The National Enquirer na mesma clínica onde o ator Patrick Swayze, morto em setembro de 2009, recebeu tratamento para câncer de pâncreas.


O Groupon processou dois ex-gerentes de vendas que conheciam informações confidenciais da empresa de compras coletivas e entraram para o site concorrente do Google, segundo um documento judicial.
O caso, registrado em um tribunal de Illinois em 21 de outubro, cita os ex-funcionários do Groupon Brian Hanna e Michael Nolan, que deixaram a empresa em setembro para entrar para o Google Offers.
A ação judicial afirma que a contratação de Hanna e Nolan pelo Google resultaria na revelação de segredos comerciais para a concorrente. As contratações violam o acordo de trabalho com o Groupon, que impedia os profissionais de trabalhar com um concorrente direto por 24 meses após a saída da empresa, disse o Groupon.
O Groupon busca uma ordem judicial para impedir que os ex-funcionários revelem informações confidenciais ao Google, o causaria prejuízos "irreparáveis". No ano passado, o Groupon rejeitou uma oferta de compra de US$ 6 bilhões do Google. O Groupon planeja movimentar até 540 milhões de dólares em uma oferta pública inicial de ações.
O Google e o Groupon não estavam imediatamente disponíveis para comentar o assunto.

Tribunal garantiu direito da Apple (na foto, loja em NY) de dispensar o funcionário. Foto: Getty Images

Tribunal garantiu direito da Apple (na foto, loja em NY) de dispensar o funcionário
Foto: Getty Images

Um homem que trabalhava numa Apple Store no Reino Unido foi demitido após postar dois comentários negativos sobre a empresa e seus produtos no Facebook. De acordo com a CNet, o funcionário "Crisp" fez os comentários em sua página pessoal e fora do horário de trabalho.
O caso chegou ao tribunal do trabalho e a decisão da justiça garantiu o direito da Apple de demitir o funcionário, uma vez que a empresa tem regras claras a respeito do uso de sites e redes sociais para a publicação de comentários negativos relacionados à companhia, com o objetivo de zelar por sua reputação comercial.
O tribunal considerou que, mesmo os comentários tendo sido publicados numa página pessoal, como a privacidade não é garantida pelo Facebook, qualquer um dos amigos do funcionário poderia ler a mensagem, copiar e publicar em outro lugar.
E segundo informações no ifoAppleStore.com, foi o que aconteceu: um dos colegas de trabalho de Crisp viu o post, copiou e compartilhou com o gerente da loja.

Após rumores de separação, twitter da dupla é hackeado. Foto: Orlando Oliveira/AgNews

Após rumores de separação, twitter da dupla é hackeado
Foto: Orlando Oliveira/AgNews

Na madrugada deste domingo (30), o Twitter oficial da dupla Zezé di Camargo e Luciano foi hackeado. A informação veio por meio da equipe da dupla que se pronunciou no fim da manhã de hoje na mesma conta do twitter.
"O Twitter da dupla foi hackeado na madrugada de hoje. Já tomamos as medidas de segurança necessárias. Desculpem-nos pelo transtorno.Equipe ZCL", escreveu a equipe para contornar os problemas que aconteceram durante a madrugada quando supostamente Zezé di Camargo teria postado algumas mensagens no microblog.
No último dia 27 de outubro, Zezé di Camargo e Luciano se desentenderam no camarim de um show em Curitiba, no Paraná. Zezé subiu sozinho ao palco e disse que o irmão tinha deixado o local.
Mais tarde, a segunda voz da dupla interrompeu a apresentação e anunciou que iria parar de cantar e que os irmãos colocariam um ponto final na carreira em 2012.
Depois do ocorrido, na manhã do dia seguinte, Luciano foi internado na UTI do hospital Santa Cruz, ainda na capital paranaense.
Acompanhado da família, Luciano deixou o hospital em Curitiba na manhã deste domingo (30).

Zezé di Camargo teria colocado ponto final no casamento com Zilú. Foto: Tiago Archanjo/AgNews

Zezé di Camargo teria colocado ponto final no casamento com Zilú
Foto: Tiago Archanjo/AgNews

De acordo com a coluna Olá!, do jornal Agora São Paulo, o casamento do sertanejo Zezé di Camargo e Zilú pode ter chegado ao fim.
Zilú praticamente estabeleceu residência em Miami e as filhas estariam tentando reverter a situação. Amigos garantem que o casal está separado.

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook

ivythemes

{facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google-plus#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}

MKRdezign

{facebook#http://www.facebook.com/MundoMS} {twitter#http://twitter.com/MundoMSOficial} {google-plus#http://plus.google.com/+MundoMSOficial} {pinterest#http://br.pinterest.com/MundoMS/} {youtube#http://www.youtube.com/c/MundoMSOficial} {instagram#http://www.instagram.com/mundomsoficial}

Envie seu Recado ao Mundo MS🌏

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget