10/17/11

Novidade é capaz de calcular a distância e inclinação de objetos colocados nas proximidades, ampliando as interações capazes de serem realizadas.

O Instituto Fraunhofer, na Alemanha, desenvolveu uma nova geração de OLEDs bidirecionais que usam câmeras especiais para captar a distância e inclinação de objetos colocados nas proximidades. Com isso, abre-se caminho para o desenvolvimento de novas telas sensíveis ao toque capazes de captar em três dimensões os gestos realizados pelos usuários.
Segundo Conztanze Großmann, engenheiro responsável pelo projeto, a nova tecnologia abre novos caminhos para a interação entre diferentes dispositivos. Os principais beneficiados pela novidade podem ser smartphones, televisores e outros aparelhos com tela sensível ao toque, que poderão ampliar os meios pelos quais os usuários interagem com diferentes conteúdos.

Mais possibilidades de interação

Em vez de ficar limitada pelos dois eixos disponíveis em uma tela sensível ao toque tradicionais, a nova tecnologia permite usar a distância da mão do usuário para oferecer novos métodos de interação. Dessa forma, sequer seria preciso tocar no display do aparelho para navegar por uma página da internet ou jogar um game, por exemplo.
A tecnologia também pode ser usada como uma forma de medir a velocidade e intensidade com que o usuário desempenha um toque na tela. Algo especialmente útil em jogos eletrônicos, no qual um comando feito com maior força poderá ter resultados diferentes do que acontece quando simplesmente ocorre um toque leve na tela.
A má notícia para os fãs da tecnologia é o fato de que a novidade ainda não tem previsão para ser implementada em aparelhos vendidos em escala comercial.


Parceria entre Microsoft e Carnegie Mellon HCII desenvolve tecnologia capaz de transformar mesas, paredes e até partes do corpo em telas sensíveis ao toque.


OmniTouch faz de qualquer superfície uma tela sensível ao toque. (Fonte da imagem: Divulgação / Chris Harrison)

Pense se você pudesse usar qualquer superfície como um tela touchscreen. O resultado de uma pesquisa desenvolvida pelo Carnegie Mellon Human Computer Interaction Institute e pela Microsoft torna essa hipótese realidade. A interface final do sistema é completamente sensível ao toque e está preparada para identificar a superfície em que é refletida, funcionando corretamente enquanto você usa os dedos para interação.

Chamado de OmniTouch, o dispositivo usa um projetor e um scanner 3D parecido com o que é usado no Kinect, o sistema de jogo da Microsoft que reconhece movimentos dos jogadores, tudo isso acoplado ao seu ombro. Essa tecnologia suporta cliques usando os dedos, reconhecendo pressão e arraste de itens.

Seu estágio atual de desenvolvimento é recente, portanto, o equipamento que escaneia as superfícies e faz a projeção não é nada discreto no que diz respeito ao tamanho, e você não vai ver alguém andando com ele nas ruas tão em breve. Mas já se pode considerar um grande feito o que foi conseguido até agora, restando apenas esperar para que ele diminua de tamanho para ser usado para outros fins no futuro.

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook

ivythemes

{facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google-plus#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}

MKRdezign

{facebook#http://www.facebook.com/MundoMS} {twitter#http://twitter.com/MundoMSOficial} {google-plus#http://plus.google.com/+MundoMSOficial} {pinterest#http://br.pinterest.com/MundoMS/} {youtube#http://www.youtube.com/c/MundoMSOficial} {instagram#http://www.instagram.com/mundomsoficial}

Envie seu Recado ao Mundo MS🌏

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget