08/27/15

O governo polonês alertou os caçadores de tesouros nesta quinta-feira (27) que o suposto "trem nazista", recentemente descoberto no sudoeste do país, provavelmente está minado. A localização exata do veículo, sobre o qual há boatos de que estaria carregado de ouro, permanece secreta.

"Neste trem, cuja existência estou convencido, pode haver materiais perigosos da Segunda Guerra Mundial. É provável que o trem esteja minado", escreveu em um comunicado o curador geral de monumentos, Piotr Zuchowski, secretário de Estado do ministério da Cultura e Patrimônio da Polônia.

Zuchowski também indicou que, após divulgação sobre a descoberta do "trem de ouro" na região da cidade de Walbrzych, um grande número de caçadores de tesouros frequentam a região. "Peço a todos que parem de procurar o veículo até o final do procedimento formal para garantir a segurança da descoberta", acrescentou.

O assessor jurídico dos descobridores, um polonês e um alemão que desejam permanecer anônimos, Jaroslaw Chmielewski, afirmou que seus clientes informaram oficialmente as autoridades do achado. Segundo Chmielewski, eles descreveram os detalhes da descoberta, que seria um trem blindado de 120 a 150 metros.

Lenda dos trens de ouro e joias
© Fournis par RFI

Ontem (26), o vice-prefeito de Walbrzych, Zygmunt Nowaczyk, declarou à imprensa que o trem está nesta cidade no sudoeste da Polônia. O anúncio da descoberta reacendeu a lenda de trens carregados de joias e objetos de valor, roubados dos judeus pelos nazistas.


Muitas lendas sobre túneis subterrâneos secretos próximos de Walbrzych, onde haveria tesouros escondidos do Terceiro Reich, baseiam-se na história de um enorme edifício nazista, com ramificações subterrâneas, conhecido pelo nome de Riese.


Essas instalações deveriam acomodar também arsenais estratégicos dos alemães, protegidos dos bombardeios aliados. Parte destas galerias subterrâneas estão abertas aos turistas, mas os caçadores de tesouros acreditam na existência de muitas outras.


(Com informações da AFP)

A história do miojo instantâneo por meio de personagens que viveram as décadas de 60, 70, 80, 90 e hoje
Do AdNews

São Paulo - Nessa semana, estrou o filme que celebra os 50 anos do Miojo Nissin Lámen no Brasil. A produção, intitulada "Paródia", relembra a história domacarrão instantâneo por meio de personagens que viveram as décadas de 60, 70, 80, 90 e hoje.

A melodia de "biquíni de bolinha amarelinho" ganhou uma nova letra que amarra todos os personagens com as receitas que eles preparam, enquanto referências estéticas apontam o passar dos anos.

No total, 10 personagens formam o elenco da produção que contou com duas diárias, figurino especial para cada uma das décadas e produção de objetos para compor os cenários com elementos característicos, como walkman, patins, micro-ondas etc.

A direção de cena foi de Gustavo Gripe, da Santa Transmedia. A produtora de som é a Tesis.

Esta é terceira ação da campanha criada pela F/Nazca Saatchi & Saatchi para a Nissin-Ajinomoto em comemoração ao aniversário de Miojo.

Somam-se ao filme, com veiculação nacional, o redesign do site e a promoção Nissin Miojo Vale Ouro.

Para experimentar novas combinações de ingredientes e receitas como as que aparecem no comercial, basta acessar o site da marca.

ivythemes

{facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google-plus#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}

MKRdezign

{facebook#http://www.facebook.com/MundoMS} {twitter#http://twitter.com/MundoMSOficial} {google-plus#http://plus.google.com/+MundoMSOficial} {pinterest#http://br.pinterest.com/MundoMS/} {youtube#http://www.youtube.com/c/MundoMSOficial} {instagram#http://www.instagram.com/mundomsoficial}

Envie seu Recado ao Mundo MS🌏

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget