04/01/13


A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) aplicou à operadora Claro uma multa de R$ 21,7 milhões. A punição foi publicada nesta segunda-feira (1º) no Diário Oficial da União.


A Claro, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que não vai comentar o caso.

A companhia foi multada pela Anatel por infringir artigos do Regulamento para Arrecadação de Receitas do Fundo de Fiscalização das Telecomunicações(Fistel), do Regulamento do Serviço Móvel Pessoal (RSMP) e da Lei Geral de Telecomunicações.

Além da Claro, outras operadoras sofreram punições da Anatel recentemente. A Oi acumula um total de mais de R$ 70 milhões em multas aplicadas pela agência neste ano.

No caso da Vivo, o valor das multas somadas é de aproximadamente R$ 3,9 milhões.

Troca de multa por investimento

No início de março, a Anatel apresentou os termos para criação de TACs (Termos de Ajustamento de Conduta), que permitirão às operadoras "trocarem" multas por investimentos. Em vez de pagar as multas aplicadas pelo órgão, elas poderiam investir esse mesmo valor em melhorias no setor. A proposta ainda deve passar por consulta pública.



Usuários de telefonia celular fazem piadas na web com (falta de) serviço; confira36 fotos16 / 36
No Facebook há grupos destinados a reclamar da falta de sinal das operadoras. Com o compartilhamento das imagens engraçadinhas, as piadas sobre falta de sinal ganham popularidade na web

De acordo com a Anatel, os termos de ajustamento de condução serão propostos principalmente quando as práticas irregulares forem recorrentes e para prevenção de novas práticas similares. Ainda, quando outros instrumentos não estiverem sendo suficientes para corrigir ou prevenir novas práticas irregulares.

O objetivo é criar uma forma mais rápida das operadoras cumprirem com essas obrigações, com processos de trâmite mais ágil dentro da Anatel. Tanto a agência como as empresas de telecomunicações vão poder propor a celebração do termo de ajustamento de conduta. O acordo só será firmado, destaca a Anatel, se atender ao interesse público.

(Com informações da Reuters)


Desde o início de março os casamentos entre homossexuais passaram a ter igualdade nos procedimentos em relação aos heterossexuais, após a nova regulamentação adotada pelos cartórios paulistas. Com isso, o número desses casamentos em março foi quase quatro vezes maior do que a média mensal deste ano.

Segundo a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP), foram celebrados, no primeiro mês de vigência da norma, 41 casamentos entre homossexuais --a média era de 11 por mês.

O crescimento das uniões era previsto pela Arpen. De acordo com a entidade, existe uma demanda reprimida de pessoas do mesmo sexo que querem se casar, mas acreditavam que a celebração depende de autorização judicial.

Antes da regulamentação, o casamento entre pessoas do mesmo sexo só era autorizado em alguns cartórios. Em outros era necessário recorrer à Corregedoria-Geral do Estado. Agora, os 832 cartórios de registro civil do Estado de São Paulo podem celebrar casamentos entre homossexuais sem a necessidade de um pedido.

O primeiro casamento entre pessoas do mesmo sexo em São Paulo foi celebrado em junho de 2011, em Jacareí (SP). Desde 2012, foram celebrados na capital paulista 149 desses casamentos, 86 deles em 2012 e 63 neste ano.





Os celulares emitem energia de radiofrequência (ondas de rádio), uma forma de radiação eletromagnética

Você conhece alguém que não tem celular? Provavelmente, não. Também, não é para menos: calcula-se que existam sete bilhões de pessoas hoje no planeta, e nada menos que seis bilhões de celulares. Isso sem falar nos inúmeros gadgets: iPad, iPhone, smartphone e laptop, entre outros. Com tanta tecnologia cada vez mais acessível, é difícil não estar, de alguma forma, inserido na "rede".

Mas e a saúde, como fica nesse contexto? São várias as teorias a respeito, desde suspeitas de que usar celular demais dá câncer até a constatação de que existe uma geração de viciados em internet – o que, obviamente, desencadearia no mínimo problemas sociais aos hiperconectados.

Em relação ao uso do celular, é importante considerar que seu emprego não para de crescer: o Brasil terminou o ano de 2010 com um total de 202,94 milhões de aparelhos, o que representa um avanço de 16,66% em relação a 2009, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

"Ao longo do tempo, o número de chamadas por dia e a duração de cada chamada também vem aumentando", salienta Maurício Mandel, neurocirurgião formado pela Universidade de São Paulo, membro da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN).

Os celulares emitem energia de radiofrequência (ondas de rádio), uma forma de radiação eletromagnética. Tal radiação pode ser de dois tipos, ionizante (raios-X e raios cósmicos) e não ionizante (radiofrequência). "O celular emite este segundo tipo e, até agora, não há evidência de que a radiação não-ionizante leve à doença. O primeiro tipo, ao contrário, é conhecido como indutor do câncer. Tanto que pessoas que trabalham com raio-X – técnicos, médicos, enfermeiras – fazem testes regularmente para ver se a exposição provocou a formação de tumores", diz o especialista.



Mitos e verdades: consequências do uso da tecnologia sobre a saúde

Mesmo sem estudos conclusivos sobre a relação entre celular e câncer, as pessoas deveriam usar menos o aparelho. VERDADE: até porque várias pesquisas ainda estão em andamento. "Exposição sem necessidade e excessivamente prolongada não é aconselhável. Medidas que afastem o celular do contato direto com a pele são aconselhados para quem o emprega muito. E, como é uma tecnologia relativamente nova, sugere-se que crianças não o usem à toa", adverte o neurocientista Antônio De Salles. O neurocirurgião Maurício Mendel recomenda reservar a utilização para conversas mais curtas ou momentos em que o telefone fixo não está disponível; e lançar mão de um dispositivo "mãos-livres" (hands-free), que distancia o aparelho da cabeça do usuário SXC


Parece piada, mas não é: o salário nominal de Marcelo Adnet na Globo será inferior aos cerca de R$ 50 mil que ele recebia mensalmente da MTV, de onde saiu. Seu salário, aliás, era considerado o maior já pago a um funcionário da MTV. Mesmo assim, ele optou em trocar a emissora e seguir para a Globo, que o assediava havia pelo menos três anos...

PORÉÉÉÉM...

Adnet pode ter perdido uns "trocados" em termos de salário, mas na Globo terá uma vantagem muito maior: Como pertence à Central Globo de Produção, na dramaturgia, a ele é permitido fazer merchandising e estrelar comerciais, como esses que vocês veem artistas oferecendo apartamentos em jornais, por exemplo. Para se ter uma ideia, há artistas na Globo que chegam a triplicar seus ganhos com essas ações de "merchan".

"Sou nerd e nem sei contar piada", diz Marcelo Adnet

TUDO A VER

Não que Adnet não pudesse fazer "merchans" na MTV. Acontece que, embora sempre tenha sido reconhecido como um artista talentoso, o ibope da MTV beira o traço. Portanto, isso desvaloriza o passe na hora de ser contratado para estrelar um comercial.

MAIS UM TROCO

Outra vantagem que muitos globais tiram lasquinha é cobrar para aparecer em eventos. A presença de Carolina Dieckmann na primeira fila do desfile de uma grife de um, digamos, SP Fashion Week, pode custar até R$ 30 mil (fora passagens aéreas, chofer e outros mimos). Há artistas ainda que aceitam receber o cachê em produtos. Mas isso só quando eles realmente gostam da marca. Caso contrário só aparecem para dar as "caras" (sem trocadilho com a revista).

PEPPERONI

Mais um bastidorzinho: quando Adnet decidiu, a MTV até tentou segurar Calabresa, e ofereceu um salário maior para sua mulher, Dani Calabresa, na tentativa de ficar com algum espólio ao menos. Calabresa, no entanto, não se fez de rogada. Tão inteligente e talentosa quanto o marido (agora global), ela já achava que merecia ganhar mais há muito tempo e se irritou ao perceber que a MTV só decidiu valorizá-la mesmo depois que Adnet se foi. E a Band já lhe acenava com condições melhores havia meses.



MUUUUUU!

Essa história de que Edir Macedo "decretou" que a Record vai ultrapassar a Globo em ibope e faturamento entre três e cinco anos já virou motivo de piada nos corredores da Globo. A "declaração" vem sendo tratada como mais um monólogo flácido para acalentar bovinos. Pelo menos em relação ao ibope. Porque em faturamento, basta que a Igreja Universal decida aumentar 10 vezes o que paga pelas madrugadas que a emissora do bispo até ultrapassaria a Globo --se não em faturamento, em lucro líquido.

VALE LEMBRAR...
Que em 2005 Macedo havia "decretado" que em menos de 10 anos a Record, então "a caminho da liderança", chegaria ao primeiro lugar no ibope.

ISSO VAI OCORRER?

Beeeem... colocar séries bíblicas em horário nobre e pregação religiosa de madrugada não parece ser a melhor forma de chegar ao topo. Se bem que tem gente que acredita em duendes, gnomos, elfos, leprechauns e mesmo em diabretes. Ou então a Record pode começar a fazer orações em seu próprio site especial www.eucreioemmilagres.com.br

SÓ NA TV FECHADA

A Globo News está lançando com muito orgulho uma nova coluna de cinema, que aparecerá UMA vez por semana no "Jornal das Dez". Pode não parecer, mas isso é quase um milagre. Se tem um produto que a Globo não faz questão de falar a respeito é cinema estrangeiro. Agora, aquelas chanchadas e porcarias da Globo Filmes ganham até edição especial no "Vídeo Show".

GALVÃO DISSE...

Na coletiva da Globo esta semana, Galvão Bueno disse que descartou que vá se aposentar depois da Copa de 2014.

A TORCIDA REAGE...
NÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOOOOOOOOOOOOO! Se aposenta, Galvão!

PS

Brincadeirinha, brincadeirinha...

*

SOOOOOOBE!
Programação infantil na TV Brasil

"Batatinhas", "Mamma Mirabelle", "Pequenos Robôs" e a impagável produção suíça "Pingu" elevam o nível desse canal estatal, ao menos para o público infantil.... No entanto, tornam cada vez mais difícil explicar o escoadouro de dinheiro que se torna maior a cada ano --uma vez que essas produções são enlatadas, ninguém está produzindo nada em Brasília. Sem trocadilho.

DEEEEESCE!

Overdose de João Kleber

Segunda, terça, quarta... Basta ligar na RedeTV! que lá está João Kleber. Ou está fazendo pegadinha, ou testando a fidelidade alheia de mentirinha ou então é convidado de "honra" de outros apresentadores da casa. E pensar que foi defenestrado anos atrás, como persona non grata da tela dessa mesma emissora. Incrível como o mundo da voltas. Ou enrola.

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook

ivythemes

{facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google-plus#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}

MKRdezign

{facebook#http://www.facebook.com/MundoMS} {twitter#http://twitter.com/MundoMSOficial} {google-plus#http://plus.google.com/+MundoMSOficial} {pinterest#http://br.pinterest.com/MundoMS/} {youtube#http://www.youtube.com/c/MundoMSOficial} {instagram#http://www.instagram.com/mundomsoficial}

Envie seu Recado ao Mundo MS🌏

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget