Rio lança domínio de internet com o nome da cidade



Domínio .Rio
(Foto: Divulgação)
O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, lançou na tarde de ontem o domínio de internet .rio, que poderá substituir o .com.br. A capital fluminense é a primeira da América do Sul a ter um registro de domínio com seu nome, e os interessados em fazer a mudança podem se inscrever até o dia 29 de dezembro para usuários estabelecidos na cidade. Com a alternativa, a prefeitura espera que mais pessoas façam uso da marca Rio.

“Essa entidade internacional que cuida da internet [Internet Corporation for Assigned Names and Numbers - Icann] resolveu há dois anos abrir a possibilidade para que as cidades usassem o seu nome como domínio. Acho que é um orgulho para todos os cariocas. O número de domínios que podem ser cadastrados não tem limite. Já neste ano temos um limite inicial, que é para consolidar, é 100 nomes, e a prefeitura deve colocar isso no ar”, disse Eduardo Paes.

Além do Rio, outras cidades como Nova York, Londres, Paris, Tóquio, Barcelona, Berlim e Roma também têm domínios com seus nomes. Os interessados pelo .rio devem ser moradores da capital fluminense ou ter sede ou filial de empresa no município. Para o chefe da Coordenadoria de Novas Mídias Digitais da prefeitura, Pedro Perácio, o domínio será a representação da marca da cidade, que é uma das mais conhecidas do mundo.

“Imagine quantas pessoas estão com a ideia [de ter o domínio], empresas que estão querendo se cadastrar. Além de tudo, vai simplificar para as pessoas decorarem o site. Você vai ter o DNA da cidade. Acabamos de ser oficializados, o domínio já é responsabilidade da prefeitura. Qualquer interessado que quiser o cadastro pode fazer, para depois entrar em um segundo momento onde vai ter uma parte que funciona como se fosse um cartório online”, explicou.

A prefeitura está providenciando uma série de ações para conseguir atender às normas da Icann, para conceder os domínios em janeiro de 2015. Os primeiros 100 nomes já tiveram o uso do domínio liberado até o fim do ano, e serão concedidos para a prefeitura. Os interessados não poderão cadastrar o nome do domínio caracterizando um serviço público, assim como não poderão usar nomes de bairro, região, local, evento ou tradições do Rio, como praia, Copacabana e carnaval.

O cadastro está disponível neste site e deve custar anualmente R$ 60 - valor equivalente ao de outras cidades com domínio próprio.

agosto 26, 2014
Sua Opinião:

Postar um comentário

DÊ SUA OPINIÃO, COMENTE ESSA MATÉRIA.

[facebook][blogger]

ivythemes

{facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google-plus#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}

MKRdezign

{facebook#http://www.facebook.com/MundoMS} {twitter#http://twitter.com/MundoMSOficial} {google-plus#http://plus.google.com/+MundoMSOficial} {pinterest#http://br.pinterest.com/MundoMS/} {youtube#http://www.youtube.com/c/MundoMSOficial} {instagram#http://www.instagram.com/mundomsoficial}

Envie seu Recado ao Mundo MS🌏

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget