Mansão bate recorde e pode ser vendida por US$ 500 milhões

Obras em Bel Air, Los Angeles, para um complexo que tem valor de venda cotado a US$ 500 milhões 

John Gittelsohn, da Bloomberg

Los Angeles - Uma das maiores casas da história dos EUA está surgindo no topo de uma colina em Los Angeles, e o desenvolvedor espera vendê-la pelo recorde de US$ 500 milhões. 

Nile Niami, produtor de cinema e desenvolvedor residencial especulativo, está despejando concreto no bairro de Bel Air, em Los Angeles, para construir um complexo com uma residência principal de 6.900 metros quadrados e três casas menores, segundo registros municipais. 

O projeto, cuja construção demorará pelo menos mais vinte meses, terá mais de 9.290 metros quadrados, incluindo um quarto principal de 464,5 metros quadrados, uma garagem para trinta carros e um “cassino no estilo de Mônaco”, disse Niami. 

“A casa terá quase todas as comodidades disponíveis no mundo”, escreveu ele por e-mail. “O preço pedido para a venda será de US$ 500 milhões”.

Propriedades com vistas para a bacia de Los Angeles são o equivalente californiano das coberturas de Manhattan ou das mansões do Mayfair em Londres. 

Elas atraem um elenco mundial de financistas, magnatas da tecnologia e celebridades que colecionam imóveis que são joias da coroa como se fossem obras de arte. No mundo inteiro, cinco propriedades foram vendidas por US$ 100 milhões ou mais no ano passado, e pelo menos outras vinte têm um valor pretendido de nove dígitos, informou a Christie’s International Real Estate no mês passado. 

O imóvel mais caro já vendido foi uma cobertura de US$ 221 milhões em Londres, adquirida em 2011, segundo a Christie’s. Entre os imóveis mais caros no mercado há uma propriedade que custa US$ 425 milhões na Costa Azul da França, uma cobertura de US$ 400 milhões em Mônaco e uma mansão de US$ 365 milhões em Londres. 

Resta saber se Niami poderá mais do que dobrar o recorde anterior para sua mansão. 

“Não creio”, disse Jonathan Miller, presidente da taxadora Miller Samuel Inc. e colaborador da Bloomberg View. “Minha primeira reação foi rir. Mas vivemos neste estado perpétuo de surpresa, já que novos limiares estão sendo superados”. 

Recordes dos EUA 

Atualmente, o mais alto preço solicitado nos EUA é de US$ 195 milhões pelo Palazzo di Amore, um imóvel em Beverly Hills, Califórnia, oferecido pelo bilionário empreendedor imobiliário Jeff Greene. 

O recorde de vendas foi de US$ 147 milhões, valor pago por Barry Rosenstein, sócio-gerente do hedge fund Jana Partners, por uma propriedade em East Hampton, Nova York, no ano passado. 

O projeto de Niami, no topo de uma colina e sobre um lote de 1,6 hectare, terá uma vista de 360 graus do Oceano Pacífico, de Beverly Hills, do centro de Los Angeles e do Vale de São Fernando. 

Os planos previram a remoção de quase 30.600 metros cúbicos de terra, equivalente a um campo de futebol americano coberto com 6 metros de terra. 

O tamanho das casas de luxo em Los Angeles aumentou nos últimos trinta anos, disse Peter McCoy, empreiteiro de uma mansão de quase 4.924 metros quadrados que está sendo construída no topo de uma colina em Bel Air e que pode ser vista desde o projeto de Niami. 

Quatro piscinas 

A média de custos de construção de uma casa de luxo em Los Angeles é de US$ 7.532 a US$ 8.608 por metro quadrado, sem contar o acabamento nem o mobiliário, disse McCoy. 

Niami, que não quis falar sobre suas fontes de financiamento, tem planos para quatro piscinas, entre elas uma piscina com borda infinita de 54,86 metros, e cerca de 1.858 metros quadrados de gramado, em um momento em que a Califórnia sofre uma seca recorde. 

“Há muitas coisas na casa que ajudarão a preservar água”, disse Paul McClean, arquiteto da mansão, em entrevista por telefone. “Mas são coisas compatíveis com casas de luxo, então não posso dizer que ela seja uma casa ecológica ou com uso eficiente da energia”. 

A mansão de Niami será a maior construída nos EUA neste século e superará Versailles, uma mansão de 8.361 metros quadrados em Windermere, Flórida, que está sendo construída por David Siegel, fundador e CEO da Westgate Resorts. 

Um lote de 104 hectares em Bel Air habilitado para construir 18 casas está à venda por US$ 125 milhões, segundo Aaron Kirman, um agente do John Aaroe Group que tem a listagem do terreno para desenvolvimento. 

“Bel Air é a principal joia da coroa”, disse ele.
Assunto Da Matéria >>
Sua Opinião:

Postar um comentário

DÊ SUA OPINIÃO, COMENTE ESSA MATÉRIA.

[facebook][blogger]

ivythemes

{facebook#http://facebook.com} {twitter#http://twitter.com} {google-plus#http://google.com} {pinterest#http://pinterest.com} {youtube#http://youtube.com} {instagram#http://instagram.com}

MKRdezign

{facebook#http://www.facebook.com/MundoMS} {twitter#http://twitter.com/MundoMSOficial} {google-plus#http://plus.google.com/+MundoMSOficial} {pinterest#http://br.pinterest.com/MundoMS/} {youtube#http://www.youtube.com/c/MundoMSOficial} {instagram#http://www.instagram.com/mundomsoficial}

Envie seu Recado ao Mundo MS🌏

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget