+MMS
Carregando Notícias Mundo MS...

Tweetar Post/Página

10 casas mais luxuosas na árvore para se hospedar

© Reprodução

Que tal tentar algo mais rústico nas próximas férias? Casas na árvore são a diversão de toda criança, mas podem também ser sinônimos de relaxamento para os que procuram aventura sem precisar se mexer muito.

Para quem procura se aproximar da natureza, arquitetos e designers do mundo inteiro estão apostando em construções inusitadas no topo das árvores para complementar – ou até mesmo formar – os quartos de hotéis de luxo. Em vez das paredes de madeira e da escadinha de corda para subir, essas estruturas têm múltiplos andares, piscinas e até aquecedor embutido. De encantadoras casas de carvalho no País de Gales a quartos na beira da praia na Indonésia, conheça alguns desses luxuosos quartos:Onde fica: Nova Zelândia

Kaikora
Preço da diária: US$ 285,00

Escape para a mágica Ilha do Sul, na Nova Zelândia, para encontrar uma abundância de vida selvagem e paisagens de tirar o fôlego. À beira de praias intocadas pelo homem e de picos de montanhas nevadas, o Hapuku Lodge and Treehouses tem o cenário perfeito para relaxar.

© Reprodução

BILPIN
Onde fica: Austrália
Preço da diária: US$ 374,00

Que tal ficar se hospedar nas Montanhas Azuis na Austrália? Essa casa na árvore oferece uma experiência em meio à floresta tropical localizada entre dois parques nacionais do país.

© Reprodução

PHUKET
Onde fica: Tailândia
Preço da diária: US$ 297,00

As vilas com piscinas privativas ficam no meio da floresta tropical da região de Kamala, na Tailândia. No resort, existem inúmeras maneiras de relaxar, como no restaurante de frutos do mar, na adega ou no spa, recebendo uma massagem ou um shiatsu.

© Reprodução

CREWKERNE
Onde fica: Inglaterra
Preço da diária: US$ 168,00

Em meio à região de Somerset, no sudoeste da Inglaterra, essa hospedagem aconchegante oferece uma estadia cercada de natureza, com um estilo de decoração escandinavo.

© Reprodução

SECLUDED INTOWN
Onde fica: Atlanta, Estados Unidos
Preço da diária: US$ 357,00

Localizada no coração de Atlanta, essas casas na árvores ficam escondidas entre o verde. A melhor sensação é acordar com o cantar dos pássaros, tudo dentro dos limites da cidade.

© Reprodução

CHALÉS RECANTOS DA FONTE
Onde fica: Minas Gerais, Brasil
Preço da diária: US$ 88,00

Conhecida como uma vila europeia no Brasil, Monte Verde é uma cidade com clima de montanha em Minas Gerais. O clima de alpes suíços fica ainda melhor no alto dessa casa na árvore rodeado de mata verde.

© Reprodução

CASA BARTHEL
Onde fica: Florença, Itália
Preço da diária: US$ 289,00

Essa casa de madeira faz parte da residência de um artista, com vista para a paisagem toscana a 20 minutos do Duomo e uma hora de Siena.

© Reprodução

TREE HOTEL
Onde fica: Suécia
Preço da diária: US$ 438,00

Para escapar da correria do dia a dia, esse moderno eco-hotel tem quartos de madeira de reflorestamento e uma sauna. Desenhada por alguns dos melhores arquitetos da Escandinávia, cada quarto tem uma personalidade única.

© Reprodução

LIVING ROOM TREEHOUSES
Onde fica: País de Gales
Preço da diária: US$ 236,00

Passeie pelos misteriosos vales desse pequeno país e se hospede nessas aconchegantes casas na árvore de carvalho.

© Reprodução

FUNKY GLASS HOUSE
Onde fica: Bali, Indonésia
Preço da diária: US$ 80,00

Com o oceano como cenário, essa casa na árvore fica apenas a três minutos da praia de Bali.

Cantor Prince morre aos 57 anos; relembre trajetória do astro

© Divulgação
ARTISTA FALECEU NESTA QUINTA-FEIRA (21)

Morreu nesta quinta-feira (21), aos 57 anos, o cantor Prince. O corpo do astro foi encontrado na casa onde morava em Minnesota, nos Estados Unidos, e agora a polícia investiga as circunstâncias e a causa da morte. Segundo o site "TMZ", o artista tratava uma forte gripe desde o início deste mês.

Relembre, nas páginas a seguir, a trajetória de Prince no mundo da música!

© Divulgação
Nascido em 7 de junho de 1958, Prince Roger Nelson tornou-se um fenômeno mundial nos anos 1980

© Twitter
Prince era filho de músicos. Seu pai usava o nome artístico de Prince Rodgers, o que inspirou seu nome de batismo

© Twitter
Seu interesse pela música surgiu junto com a irmã Tika, e no início dos anos 1970, o artista já começou a participar de bandas

© Divulgação
O músico-instrumentista despontou no mundo artístico pop com o hit "Purple Rain", lançado em 1984. A obra, aliás, é considerada até hoje como uma das maiores de todos os tempos

© Divulgação
Ícone pop, o artista 'abraçou' como sua marca registrada técnicas streaming on-line, para garantir maior liberdade artística e alcance de público

© Divulgação
Multifacetado, o veterano também ficou conhecido por seu jeito extravagante de se vestir e suas coreografias marcantes

© Divulgação
Suas músicas combinavam jazz, funk e disco

© Instagram
Prince também ganhou destaque com as canções "Kiss" e "Raspberry Beret"

© Instagram
O cantor ganhou sete prêmios do "Grammy" e entrou no ranking do "Rock and Roll Hall of Fame", em 2004

© Instagram
O compositor também teve destaque nos anos 1990 quando quando e escreveu a palavra "escravo" em sua bochecha para protestar contra as condições contratuais do selo da gravadora Warner

 SLIDES © Instagram
Um dos maiores hitmakers do mundo, Prince foi casado por duas vezes. O primeiro relacionamento foi com a dançarina Mayte Garcia, de quem se separou em 2000. Já o segundo foi Manuela Testolini, de quem se divorciou em 2006

© Divulgação
O cantor lançou 39 álbuns de estúdio, quatro deles no período de 2014 e 2015. São eles: “Plectumelectrum”, “Art oficial age,” “HITnRUN Phase One” e “HITnRUN Phase Two”

© Divulgação
Polêmico, o artista solicitou a retirada de seu catálogo de músicas de várias plataformas na internet, em julho de 2015

Série fotográfica estonteante retrata infância sem TV e Internet

© Niki Boon Photography Crianças brincam na natureza

Vivendo sem internet, TV e outros aparatos tecnológicos em uma gigantesca propriedade na área rural da Nova Zelândia, a fotógrafa Niki Boon registra o cotidiano da sua família em séries fotográficas desde 2014. O resultado são imagens estonteantes de suas crianças convivendo com a natureza e em meio a brincadeiras offline.

Em seu site, ela diz que fotografa não apenas como um registro físico da infância de seus filhos, mas também como reflexão sobre seu próprio passado como criança. O lugar de liberdade que a infância representou a Boon seria agora passado para seus filhos.

Em vez de usar tablets e celulares, as crianças aparecem brincando livremente com animais da fazenda ou se esbaldando na terra.

© Niki Boon Photography Menino brinca com ovelha no campo

© Niki Boon Photography Criança brincando na lama

Ela diz acreditar que seus filhos estão vivendo exatamente no lugar a que pertencem, cobertos de lama, correndo e vivendo em meio a natureza.

© Niki Boon Photography Crianças brincam com TV 

© Niki Boon Photography Crianças comem melancia e riem

Formada em fisioterapia, Boon também passou a infância brincando em uma fazenda na Nova Zelândia. Afirma querer mostrar em suas fotografias a vida como ela é.

© Niki Boon Photography Crianças brincando com barco

© Niki Boon Photography Crianças brincam com galinhas na fazenda


Procon da Paraíba entra com ação e reforça luta contra limite da internet fixa

(Foto: Reprodução)

A Secretaria de Proteção e Defesa do Consumidor da Paraíba, (Procon-PB), resolveu engrossar o coro dos órgãos de defesa do consumidor contra o fim da internet ilimitada no Brasil. A ação foi ingressada na 1ª Vara da Fazenda Pública, na capital do estado, João Pessoa.

A unidade paraibana resolveu entrar na justiça com o argumento de que algumas operadoras do serviço de banda larga têm a intenção de alterar os contratos firmados de forma unilateral, o que iria prejudicar os consumidores. O órgão observa que a medida contraria os acordos firmados entre as partes.

Segundo Marcos Santos, secretário da entidade, os contatos antigos não podem ser alterados e devem permanecer sem o limite de franquia.

Já os contratos realizados após a medida só podem ser modificados se houver previsão contratual de limite de franquia. Santos também afirma que as operadoras deverão disponibilizar serviços para a contagem do volume de dados trafegados por cada usuário.

Essa não foi a primeira unidade do Procon a se manifestar sobre o assunto. Nos últimos dias, a secretaria do Rio de Janeiro já havia se manifestado contra a mudança regulamentada pela Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel, e solicitado esclarecimentos das empresas Vivo, Oi e Claro.

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.