+MMS
Carregando Notícias Mundo MS...

Tweetar Post/Página

Tintin alcança novo recorde em Paris

Desenho original de Hergé feito em 1932 para história ambientada nos EUA foi vendido por € 1,3 mi


PARIS - Um desenho original para a capa da história em quadrinhos Tintin na América, feito em 1932 pelo cartunista belga Hergé, foi vendido no sábado, 2, por cerca de € 1,3 milhão em um leilão na capital francesa. A venda bateu o recorde estabelecido pela mesma obra em 2008, quando havia sido vendida por € 764 mil.

Reprodução

Um dos dois originais do artista belga que estão em coleção particular

Segundo um porta-voz da casa de leilões Artcurial, o aumento do valor não foi uma surpresa, uma vez que se trata de uma das duas únicas imagens originais, desenhadas em nanquim e guache, das HQs de Tintin que estão em poder de colecionadores privados - há cinco no total.

Com superfície quadrada de 32 centímetros de lado, 0 desenho mostra o jovem aventureiro Tintin vestido como um caubói e sentado com seu cachorro Milu, sem perceber que índios americanos se aproximam ameaçadoramente - e é diferente de versões posteriores, em que a capa mostra uma imagem de Tintin amarrado em uma tribo indígena. Ele foi realizado por Hergé para a primeira edição do álbum Tintin na América, publicado inicialmente pelo suplemento Le Petit Vingtième - do extinto jornal belga Le Vingtième Siècle - e depois pela Casterman na edição francesa.

O comprador não permitiu a divulgação de sua identidade. Seu representante no leilão, identificado apenas como Didier, disse à imprensa que seu "objetivo não era chamar atenção ou bater um recorde, mas sim conseguir o trabalho". "Tenho certeza de que, se ele tivesse podido obtê-lo por menos, acho que teria preferido", brincou, após o fim do leilão.

A imagem arrematada foi um dos diversos lotes de peças de Tintim leiloados ao longo da tarde de sábado em Paris, em particular cerca de 80 álbuns de edições consideradas raras. Entre eles estavam alguns títulos míticos como Tintin no País dos Sovietes, Tintin no Congo, Tintin e os Pícaros e Tintin no Tibete, em sua maior parte com dedicatórias do próprio Hergé. A venda havia começado de manhã com cerca de 300 objetos derivados da obra do cartunista belga, inclusive esculturas.

História. A série As Aventuras de Tintin foi criada no fim da década de 20 pelo artista belga Georges Remi (1907-1983), que escrevia sob o nome de Hergé. Após as primeiras aparições no Le Petit Vingtième, as histórias passaram a ser publicadas em diversos jornais e revistas europeus e, eventualmente, ganharam espaço em uma revista própria.

Em 1950, Hergé resolveu criar um estúdio dedicado ao personagem, o que levou à formatação e edição de 24 álbuns, que seriam adaptados para rádio, televisão, teatro e cinema - a versão mais recente, do ano passado, é assinada por Steven Spielberg. As histórias do personagem já foram traduzidas para mais de 50 idiomas e, segundo números oficiais do Studio Hergé, cerca de 200 milhões de cópias já foram vendidas em todo o mundo.

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.