+MMS
Carregando Notícias Mundo MS...

Tweetar Post/Página

Facebook desafia Apple e BlackBerry com nova aplicação


Os serviços de mensagens instantâneas para ‘smartphone’ são a nova ferramenta do Facebook.
O Facebook lançou uma aplicação de mensagens instantâneas para o mercado dos ‘smartphones' para concorrer directamente com outras aplicações semelhantes, como a WhatsApp e o BlackBerry Messenger. Isto numa altura em que o forte crescimento deste mercado ameaça as fontes de receita tradicionais dos operadores de telecomunicações móveis. O BlackBerry Messenger (BBM), criado pela Research in Motion, ganhou aliás novo protagonismo esta semana por ser o meio mais utilizado na organização dos motins em Londres e noutras cidades britânicas.
Alguns analistas receiam que as receitas de voz e texto dos operadores possam cair significativamente se os consumidores usarem cada vez mais as mensagens instantâneas, especialmente extra "pacotes voz e SMS". O BBM e outros serviços de mensagem via Internet são muito mais acessíveis do que as tradicionais SMS, pelo facto de usarem a Internet, além de oferecerem outras funcionalidades, como a notificação de entrega, ‘chat' em pequenos grupos e partilha de fotografias.
Graham Brown, da consultora Mobile Youth, chegou à conclusão de que no universo de adolescentes britânicos que têm BlackBerry, 80% das mensagens móveis são enviadas através do BBM. A Apple vai introduzir um serviço de ‘chat' em grupo, o iMessage, integrado na actualização de ‘software' para o iPhone e iPad, que tem lançamento previsto para o Outono.
No topo das preferências
As aplicações da Apple e do BlackBerry estão limitadas às respectivas marcas, mas há outros serviços que funcionam em diferentes plataformas. O WhatsApp Messenger, criado por uma ‘start-up' americana, está no topo das preferências na App Store da Apple na Europa, Índia e EUA, desde que introduziu o ‘chat' em grupo em Fevereiro. O Groupeme, cujo lançamento internacional teve lugar este mês, estreou-se nos EUA em Maio.
A popularidade do WhatsApp na Holanda foi a desculpa invocada pelo operador KPN para justificar a queda de 8% no volume de SMS no primeiro trimestre do ano fiscal de 2011. Segundo estimativas do operador holandês, 85% dos clientes "Hi brand", com idades entre 18 e 24 anos que usam telemóveis Android, instalaram o WhatsApp.
Esta terça-feira, o Facebook lançou a primeira aplicação para ‘smartphones', mais avançada do que as que disponibilizou até agora e que já é um mega êxito, ou não fosse a aplicação mais descarregada no iPhone, nos EUA, única região onde actualmente se encontra disponível. Mas importa lembrar que o serviço de SMS é o único que continua a funcionar em todos os telemóveis, o que ainda dá aos operadores alguma vantagem sobre as empresas de tecnologia.

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica.